Browse By

TJ indefere pedido da Vale para retomar atividades em barragens com risco de rompimento

TJ indefere pedido da Vale para retomar atividades em barragens com risco de rompimento, todas inclusas em Ação Civil Pública movida pelo MP estadual.

O Tribunal de Justiça do estado, negou o pedido mineradora Vale de retomar expediente em barragens com risco de desmoronamento.

As atividades da empresa vão seguir suspensas em 10 barragens de Minas Gerais.

O Ministério Público se baseou em documentos da Agência Nacional de Mineração (ANM) repassados pela própria Vale para ter uma noção sobre o estado das barragens.

Entretanto, ontem, dia 25 de janeiro de 2019, completou um mês que a barragem em Brumadinho se rompeu, deixando 179 mortos e 131 desaparecidos.

TJ indefere pedido da Vale para retomar atividades em barragens com risco de rompimento
TJ indefere pedido da Vale para retomar atividades em barragens com risco de rompimento

Clique Aqui e Veja o Que eu Descobri na Sessão de Ontem Acerca da Participação Popular na criação de leis do município de Periquito.

Como funciona os debates acerca dos Projetos de Lei a serem aprovados em Periquito
Instituto Cenibra aposta em parcerias para promover o desenvolvimento social e econômico no leste de Minas
Com apoio da CENIBRA Projeto Encontro Marcado com Fernando Sabino chega a Periquito
Bombeiros percebem movimentação de rejeito em Barragem de Brumadinho
ANM coloca em consulta pública proposta de acabar com barragens como a de Brumadinho
Procurador Geral de Justiça afirma que tragédia de Brumadinho não foi obra da natureza
Juiz afirma que funcionários da Vale poderiam ter evitado maior parte das mortes