Browse By

Senado aprova projeto que altera lei de drogas e permite internação involuntária

Senado aprova projeto que altera lei de drogas e permite internação involuntária dos dependentes químicos, agora cabe ao presidente Jair Bolsonaro decidir se sanciona ou veta projeto.

O Senado aprovou nesta quarta-feira (15) o projeto que prevê alterações na lei de Política Nacional de Drogas no país, permitindo assim até mesmo a internação involuntária.

O projeto de lei foi uma proposta do deputado Osmar Terra (MDB-RS), que é ministro da Cidadania, a nova proposta muda vários pontos do Sistema Nacional de Políticas Públicas sobre drogas (Sisnad), que foi decreta pelo presidente mês passado.

Com as novas regras, os familiares ou responsáveis podem pedir a internação ou assinar permissão, caso haja essa possibilidade, servidores públicos da área de saúde podem fazer o mesmo. Agora o projeto precisar do aval do presidente Jair Bolsonaro.

Clique Aqui e Veja o Que eu Descobri na Sessão de Ontem Acerca da Participação Popular na criação de leis do município de Periquito.

Como funciona os debates acerca dos Projetos de Lei a serem aprovados em Periquito
Instituto Cenibra aposta em parcerias para promover o desenvolvimento social e econômico no leste de Minas
Com apoio da CENIBRA Projeto Encontro Marcado com Fernando Sabino chega a Periquito
Bombeiros percebem movimentação de rejeito em Barragem de Brumadinho
ANM coloca em consulta pública proposta de acabar com barragens como a de Brumadinho
Procurador Geral de Justiça afirma que tragédia de Brumadinho não foi obra da natureza
Juiz afirma que funcionários da Vale poderiam ter evitado maior parte das mortes

Como funciona os debates acerca dos Projetos de Lei a serem aprovados em Periquito
Instituto Cenibra aposta em parcerias para promover o desenvolvimento social e econômico no leste de Minas
Com apoio da CENIBRA Projeto Encontro Marcado com Fernando Sabino chega a Periquito
Bombeiros percebem movimentação de rejeito em Barragem de Brumadinho
ANM coloca em consulta pública proposta de acabar com barragens como a de Brumadinho
Procurador Geral de Justiça afirma que tragédia de Brumadinho não foi obra da natureza
Juiz afirma que funcionários da Vale poderiam ter evitado maior parte das mortes