Browse By

Brumadinho: um mês com vítimas ainda debaixo da lama

Brumadinho: um mês com vítimas ainda debaixo da lama, mortos, e desaparecidos.

Como se não bastasse o rompimento da barragem de Mariana em 2015, agora, a barragem de Brumadinho se rompe, deixando centenas de mortos e desaparecidos.

Há exatamente um mês atrás, em 25 de janeiro de 2019, o tsunami de rejeitos da mineração destruiu, a uma velocidade de 70 km/h, o que encontrou pela frente.

O terreno fica a pouco menos de um quilômetro do ponto de colapso da barragem da mineradora Vale, em Brumadinho.

A mineradora ainda não soube explicar a causa do rompimento da barragem.

Na necessidade de investigar o caso, um comitê independente foi criado.

Depois de tais tragédias, um clima de insegurança e medo toma conta de moradores que habitam próximas às outras barragens.

Brumadinho: um mês com vítimas ainda debaixo da lama
Brumadinho: um mês com vítimas ainda debaixo da lama

Clique Aqui e Veja o Que eu Descobri na Sessão de Ontem Acerca da Participação Popular na criação de leis do município de Periquito.

Como funciona os debates acerca dos Projetos de Lei a serem aprovados em Periquito
Instituto Cenibra aposta em parcerias para promover o desenvolvimento social e econômico no leste de Minas
Com apoio da CENIBRA Projeto Encontro Marcado com Fernando Sabino chega a Periquito
Bombeiros percebem movimentação de rejeito em Barragem de Brumadinho
ANM coloca em consulta pública proposta de acabar com barragens como a de Brumadinho
Procurador Geral de Justiça afirma que tragédia de Brumadinho não foi obra da natureza
Juiz afirma que funcionários da Vale poderiam ter evitado maior parte das mortes