Órgãos do setor público vetam café comum e adere ao "café superior"

Browse By

Órgãos do setor público vetam café comum e adere ao “café superior”

Órgãos do setor público vetam café comum e adere ao “café superior“. órgãos dos Poderes, Judiciário, Legislativo, e do Executivo agregaram ao cardápio, o “cafézinho gourmet“, de alto custo aos cofres públicos.

O café comprado, passa por uma avaliação apurada, e é exigido que o produto seja considerado de nível “Superior” pelos políticos e órgãos públicos do país. Assim, a alta qualidade deve ser atestado antes do consumo.

O produto deve ser de alta qualidade, com aromas, e sabores elevados, diferentemente dos cafés tradicionais e que são encontrados facilmente nas prateleiras de supermercados.

A exigência pelo café “Superior” foi determinado em editais firmado entre os setores públicos e os fornecedores. São o caso do Ministério da Saúde, Câmara dos Deputados, Senado Federal, e Supremo Tribunal Federal (STF).

Os produtos tem custado um alto preço aos cofres públicos, com valores 76% mais elevados que os cafés mais comuns. Os dados apontados pela Associação Brasileira da Indústria do Café (Abic), um pacote do café tradicional custa em média R$ 9,69, enquanto o Superior custaria R$ 17,07.

Clique Aqui e Veja o Que eu Descobri na Sessão de Ontem Acerca da Participação Popular na criação de leis do município de Periquito.

Como funciona os debates acerca dos Projetos de Lei a serem aprovados em Periquito
Instituto Cenibra aposta em parcerias para promover o desenvolvimento social e econômico no leste de Minas
Com apoio da CENIBRA Projeto Encontro Marcado com Fernando Sabino chega a Periquito
Bombeiros percebem movimentação de rejeito em Barragem de Brumadinho
ANM coloca em consulta pública proposta de acabar com barragens como a de Brumadinho
Procurador Geral de Justiça afirma que tragédia de Brumadinho não foi obra da natureza
Juiz afirma que funcionários da Vale poderiam ter evitado maior parte das mortes

Como funciona os debates acerca dos Projetos de Lei a serem aprovados em Periquito
Instituto Cenibra aposta em parcerias para promover o desenvolvimento social e econômico no leste de Minas
Com apoio da CENIBRA Projeto Encontro Marcado com Fernando Sabino chega a Periquito
Bombeiros percebem movimentação de rejeito em Barragem de Brumadinho
ANM coloca em consulta pública proposta de acabar com barragens como a de Brumadinho
Procurador Geral de Justiça afirma que tragédia de Brumadinho não foi obra da natureza
Juiz afirma que funcionários da Vale poderiam ter evitado maior parte das mortes