Paulo Guedes diz que sem reforma ele vai renunciar: "Vou morar lá fora"

Browse By

Paulo Guedes diz que sem reforma ele vai renunciar: “Vou morar lá fora”

Paulo Guedes diz que sem reforma ele vai renunciar: “Vou morar lá fora”, afirmou o ministro à Revista Veja, caso a reforma da Previdência não seja provada pelo Congresso ele pode deixar o governo.

O ministro da Economia Paulo Guedes afirmou em entrevista à Veja que se a reforma virar “reforminha” ele pega um avião e vai embora.

“Pego um avião e vou morar lá fora. Já tenho idade para me aposentar” avisou Guedes.

“Se não fizermos a reforma, o Brasil pega fogo. A velha Previdência quebrou. Não vamos nem ter dinheiro para pagar os funcionários. Vai ser o caos no setor público, tanto no governo federal como nos estados e municípios” argumentou Guedes.

“Eu não sou irresponsável. Eu não sou inconsequente. Ah não aprovou a reforma, vou embora no dia seguinte. Não existe isso. Agora, posso perfeitamente dizer assim: “Olha, já fiz o que tinha de ser feito. não estou com vontade de ficar, vou dar uns meses, justamente para não criar problemas, mas não dá para permanecer no cargo” explicou o ministro.

O ministro aproveitou para explicar que “A Previdência é um buraco negro, que engole tudo ao redor. O déficit tem crescido cerca de 40 bilhões de reais por ano. A reforma é urgente, porque as reformas não vão esperar muito mais. Eles fogem antes. A engolfada pode vir em um ano, um ano e meio”.

Sobre a possível desidratação do texto enviado ao Congresso, Guedes foi incisivo:

Instituto Cenibra aposta em parcerias para promover o desenvolvimento social e econômico no leste de Minas
Com apoio da CENIBRA Projeto Encontro Marcado com Fernando Sabino chega a Periquito
Bombeiros percebem movimentação de rejeito em Barragem de Brumadinho
ANM coloca em consulta pública proposta de acabar com barragens como a de Brumadinho
Procurador Geral de Justiça afirma que tragédia de Brumadinho não foi obra da natureza
Juiz afirma que funcionários da Vale poderiam ter evitado maior parte das mortes

Como funciona os debates acerca dos Projetos de Lei a serem aprovados em Periquito
Instituto Cenibra aposta em parcerias para promover o desenvolvimento social e econômico no leste de Minas
Com apoio da CENIBRA Projeto Encontro Marcado com Fernando Sabino chega a Periquito
Bombeiros percebem movimentação de rejeito em Barragem de Brumadinho
ANM coloca em consulta pública proposta de acabar com barragens como a de Brumadinho
Procurador Geral de Justiça afirma que tragédia de Brumadinho não foi obra da natureza
Juiz afirma que funcionários da Vale poderiam ter evitado maior parte das mortes