Haddad é Pressionado a Abandonar Agenda - PEN

Browse By

Haddad é Pressionado a Abandonar Agenda

Haddad é Pressionado a Abandonar Agenda ‘Lula Livre’.

O candidato do PT, Fernando Haddad,neste domingo (7) chegou a achar por um momento que estava fora do jogo.

Acompanhando pela TV a evolução da votação com aliados e família em um hotel, em São Paulo, Haddad achava que acordaria nesta segunda-feira (8) com Jair Bolsonaro (PSL) eleito á Presidente.

Isso porque o petista assistia em choque, pela TV, a onda Bolsonaro que arrastava candidatos anti-PT aos governos para o segundo turno nos estados e Congresso.

Candidatos que apoiaram na popularidade do candidato do PSL [Jair Bolsonaro] e no seu discurso anti-petista.

No momento em que Jair Bolsonaro foi a 47,6%, Haddad se levantou diante do resultado na TV e comemorou com os braços no alto, feito um gol: estava no segundo turno.

E agora poderia colocar em prática o plano de ser “mais Haddad, menos Lula”. Poderia?

Haddad é Pressionado a Abandonar Agenda por seus aliados que pressionam-o para que ele abandone a agenda “Lula Livre”.

O principal motivo foi o tsunami eleitoral provocado por Jair Bolsonaro, que se transformou em principal cabo eleitoral nos estados.

Alavancando principalmente candidatos que entoaram o discurso no combate à corrução, ao PT e no reforço da segurança pública.

O resultado das urnas confirmava a avaliação de Mauro Paulino, diretor do Datafolha ao blog:

“Com menos intensidade ainda do que Lula, mas surgiu uma liderança com carisma suficiente para elevar candidaturas, só comparável a Lula”.

Fernando Haddad foi indicado á Presidência da República pelo PT, mesmo partido do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que está preso por corrupção passiva e lavagem de dinheiro no caso triplex no Guarujá.

Confira Quem São os Deputados Estaduais Eleitos em Minas

Bolsonaro Tem Mais da Metade dos Votos Válidos

‘Nunca Mais Quero Pisar Neste Lugar’ Diz Ciro Sobre a Globo

Haddad é Pressionado a Abandonar Agenda