Bolsonaro Diz que Só Critica o 13º Quem Desconhece a Constituição-PEN

Browse By

Bolsonaro Diz que Só Critica o 13º Quem Desconhece a Constituição

Bolsonaro Diz que Só Critica o 13º Quem Desconhece a Constituição do benefício.

O candidato à Presidência da República, Jair Bolsonaro (PSL), disse nesta quinta-feira (27) em sua página no Twitter que só critica o 13º salário quem desconhece a Constituição.

Ele ainda classificou a crítica ao 13º como uma “ofensa” a quem trabalha.

Em palestra nesta quarta (26) o general Hamilton Mourão, defendeu pensamento liberal na economia e discursou contra fatores que, segundo ele, encarecem a contratação de mão de obra.

A fala foi dita durante palestra na Câmara de Dirigentes Lojistas de Uruguaiana (RS), onde ele chamou o 13º de “jabuticaba”.

No fim da tarde, divulgou nota na qual disse que teve a declaração interpretada de forma “equivocada” e de forma “descontextualizada”.

“O contexto foi em torno do planejamento gerencial necessário para que o 13º salário seja pago, ou seja, governos e empresários devem reservar, ao longo do ano, recursos de modo a fazer frente à despesa.

Trata-se de um custo social, que faz parte do chamado custo Brasil”, diz o general.

Segundo a nota, a declaração não representa uma proposta da coligação em relação ao 13º salário

Nesta quinta (27), Bolsonaro publicou no Twitter: “O 13° salário do trabalhador está previsto no art. 7° da Constituição em capítulo das cláusulas pétreas.

Criticá-lo, além de uma ofensa a quem trabalha, confessa desconhecer a Constituição”, concluiu.

Ministro do TSE arquiva Pedido do PT

Dodge Defende Que Investigação Pode Ser Arquivada Com Aval do MPF

Ministro do STF Suspende Julgamento de Mais Um Recurso de Lula

Não Cabe Ao TSE Decisão de Autorizar Lula a Gravar Video

Bolsonaro Destaca Projetos Para Segurança

Bolsonaro: o Povo Quer Saber de Emprego e Segurança

Raquel Dodge Pede Suspensão de Inquérito da Odebrecht Contra Temer

Inscreva-se no Nosso Canal no YOUTUBE

Bolsonaro Diz que Só Critica o 13º Quem Desconhece a Constituição